Você gostou da Longevidade Expo + Fórum?

Evento pioneiro na cidade de São Paulo reuniu mais de 150 expositores que atuam com a temática da longevidade, alguns já consolidados e com trabalhos reconhecidos, outros recém-chegados, em três dias no Expo Center Norte, pavilhão azul.


Essa foi a pergunta que mais ouvi no último dia da Longevidade Expo + Fórum, que reuniu mais de 150 expositores, 1º de outubro, dia em que também se comemorou o Dia Internacional da Pessoa Idosa, com uma série de atividades para celebrar a vida e promover um novo olhar para a longevidade no Brasil. O dia foi recheado de talk shows com atrizes e atores como Odilon Wagner, Laura Cardoso, Ary Fontora, Eva Wilma, Zezé Mota e muitos outros mortais como nós que atuamos no dia a dia com a temática, além de apresentações musicais, premiações, exposições, coreografias, palestras diversas e até intervenções estilosas de se vestir os desafios do envelhecimento.

Só no dia 1º de outubro, por exemplo, teve a apresentação musical com a banda de Jazz Paulistanea Swing Band, premiação da melhor equipe sênior de desenvolvedores de games, flash mob, filmes, exposições, assim como a fala da Presidente do Conselho Estadual do Idoso, Vera Luzia do Nascimento, que falou sobre a data e o Estatuto do Idoso. O Conselho Estadual do Idoso é um órgão paritário que conta com representantes da sociedade civil e do Poder Público e tem o objetivo de discutir e propor Políticas Públicas para a população idosa, além de fiscalizar e deliberar estas políticas.

A Longevidade Expo + Fórum apresentou um leque muito grande de possibilidades aos seus visitantes, desde temas abordando saúde e bem-estar, moradia e cidades, autonomia funcional, beleza, nutrição, tecnologia, finanças, empreendedorismo, mercado de consumo. A arena USP UAT contou com uma série de rodas de conversas em torno de narrativas envolvendo projetos de vida.

O Portal do Envelhecimento (com sua editora Portal Edições e os cursos presenciais do Espaço Longeviver), como expositor e também como finalista das 125 startups que participaram da II Chamada de Negócios da Longevidade (Startup Search) apresentadas ao Aging2.0 São Paulo – representante local do Aging2.0 Internacional – e da aceleradora Ativen, recebeu muitas visitas de leitores de outros estados como também de São Paulo. No nosso espaço contamos com algumas atividades, entre elas lançamento de livros, rodas de conversa, mentoria, entre outras. Foi um ponto de encontro e de muitos afetos. Ante o leque de ofertas do evento, optei em receber todos aqueles que vinham nos visitar e também atrás de conteúdos que pudesse qualificar as práticas ou entender melhor o processo de envelhecimento.

Por isso não pude estar em nenhuma atividade para dizer sobre o que achei delas. Mas muitas pessoas fizeram bons comentários. “Para um primeiro evento sobre a longevidade, foi ótimo!”, foi a frase que mais ouvi dos visitantes, e dos expositores a palavra-chave foi “conexão/cooperação”. O Portal do Envelhecimento, junto com a confecção duda by duda e a participação das colegas da Ânima e mais visitantes, brincamos com uma intervenção de desfilar por alguns corredores do evento vestindo, com leveza e estilo, os desafios do envelhecimento.

E você, que visitou a Longevidade Expo + Fórum, o que achou? Mande para nós seus comentários, para o e-mail: feira@portaldoenvelhecimento.com.br

Quem são os três finalistas da II Chamada de Negócios da Longevidade – AGING2.0?

Durante o evento, no final do dia 30 de setembro, foram anunciados os três vencedores: Tech Balance, Up Care e Vip Eye, além do Catálogo Seniortech, uma listagem de empreendimentos de tecnologia a serviço dos 60+ e criados no Brasil, com mapeamento por região e descrição do negócio. Trata-se de uma fonte de informações para empresas, investidores e instituições públicas e privadas, em nível mundial, por intermédio do alcance global do AGING2.0, que contempla 25 países.

O app da Tech Balance foi a primeira a ser anunciada. Trata-se de uma solução para a prevenção de quedas de idosos, um dos fatores que leva muitos idosos a um estado de fragilidade e dependência e inclusive a óbito. Com o celular posicionado no centro da massa do paciente fixado por uma cinta, o aplicativo faz uma análise sensorial do movimento, assim como gera relatórios e apresenta sugestão de tratamentos.

Em seguida foi anunciado a Up Care, uma plataforma que conecta quem procura cuidadores, profissionais e serviços qualificados de acordo com o tempo necessário, o tipo de cuidado/atividade e o orçamento disponível. O app foca nos idosos com alto grau de dependência, atualiza as avaliações constantemente, garantindo a qualidade dos serviços prestados, já que é integrado quem cumprir rigorosos critérios seletivos.

Finalmente, a terceira startup anunciada foi o aplicativo da Vip Eye, com foco nas pessoas com deficiência visual em seus mais variados estágios, as quais sofrem com acidentes e batidas, uma vez que a bengala, instrumento principal, só detecta objetos até a linha da cintura. O aplicativo da Vip Eye usa tecnologia de rastreamento e consegue detectar e avisar o surgimento de objetos que podem causar acidentes. O app, em breve, terá conectividade com outras plataformas, como a sinalização pública. 


Curso: As Relações Familiares na Velhice: manejo e estratégias de auxílio e apoio – no domicílio, ILPI e Centro Dia.
A família é um sistema complexo, onde seus membros compartilham um mesmo contexto social de pertencimento, de construção de identidade, significados, cultura, trocas afetivas e emocionais. Sendo assim buscar compreender a dinâmica da família contemporânea em relação ao envelhecimento, possibilita um olhar diferenciado dos profissionais que trabalham com o tema do envelhecimento, facilitando o manejo de questões que possam surgir ao longo de suas práticas e que envolvam a família.
Data: Terças-feiras 08/10 | 15/10 | 22/10 | 29/10 – 18h30 às 20h30.
Local: Espaço Longeviver – Avenida Pedro Severino Junior, 366 – Sala 166 (Zona Sul de São Paulo). Confira o conteúdo do curso: https://edicoes.portaldoenvelhecimento.com.br/produto/curso-as-relacoes-familiares/

Beltrina Côrte

Beltrina Côrte

Jornalista, Especialização e Mestrado em Planejamento e Administração do Desenvolvimento Regional, Doutorado e Pós.doc em Ciências da Comunicação pela USP. É docente da PUC-SP. Coordena o grupo de pesquisa Longevidade, Envelhecimento e Comunicação. CEO do Portal do Envelhecimento, Portal Edições e Espaço Longeviver. Integrou o banco de avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – Basis/Inep/MEC até 2018. Integra a Rede Iberoamericana de Psicogerontologia (Redip) e a Red Iberoamericana Interdisciplinar de Investigación en Envejecimiento y Sociedad (RIIIES). E-mail: beltrinac@gmail.com

beltrinacorte escreveu 44 postsVeja todos os posts de beltrinacorte