Viva o chuchu! Ciência e química na cozinha!

Tempo de Leitura: 5 minutos

O mundo das cores, sabores e novas técnicas culinárias desafiam e ampliam a consciência humana. O chuchu leva o ser a uma nova experiência com prazeres e mais saúde, independente da idade.


A sugestão de nosso blog Sabor e Saber ara este mês é para um olhar novo de nutrientes e preparações culinárias que nos desafiam a testar, pois vale a pena e você se surpreenderá. Quando pensamos em vegetais para preparações culinárias a primeira fase da vida dos 0 a 2 anos é onde oferecemos a maior variedade, justamente para as crianças, com objetivo de elas conhecerem sabores e nutrir-se de vitaminas e sais minerais naturais diferenciados para toda a vida.

A velhice é uma consequência da continuidade da vida. No envelhecimento, o fator biológico é importante, e varia de pessoa para pessoa. Educadores, geriatras, nutricionistas, entre outros profissionais, podem contribuir para acelerar ou retardar esse processo(1). O autocuidado em nutrição(2), a importância da alimentação e necessidades específicas para a população idosa foi tema de pesquisa acadêmica de Cervato.

Acreditando em novas aprendizagens por diversos olhares, lançamos o desafio dessa sugestão culinária. Para Côrte et al. (2006, pp.157-164), as experiências de ser curioso e produtivo ainda que não financeiramente, mostram que a vida emocional e nutricional pode adquirir uma característica inspiradora com a prática da criatividade proporcionando à pessoa idosa a percepção da realidade interna, num rompimento do tempo e do espaço.

O mundo das cores, sabores e novas técnicas culinárias desafiam e ampliam a consciência humana, levando o ser a uma nova experiência com prazeres e mais saúde, independente da idade.

Temos várias legislações(3), estudos, documentos nacionais e internacionais comprovando a importância dos vegetais, legumes, hortaliças em geral no nosso cardápio diário e, aliado a ele, a relação dos mesmos na prevenção de doenças patológicas, que estão sempre associadas a sintomas específicos, levando o indivíduo que as apresenta a se privar de prazeres físicos, emocionais e mentais. 

Destaco ainda que existe um programa aprovado em maio de 2018, também na Assembleia Mundial da Saúde, no 13º Programa Geral de Trabalho o GPW13(4), organização que desenvolveu um roteiro para ações mundiais chamado “o pacote de ação Replace” que ajuda a acelerar as ações prioritárias para alcançar o objetivo de assegurar vidas saudáveis e promover o bem-estar para todas e todos, em todas as idades. O mesmo orienta o trabalho da Organização Mundial da Saúde para 2019-2023(4).

Assim, vamos fazendo nossa parte e “educando com alimentos”, criando sugestões culinárias com alimentos frescos (verduras, legumes e frutas). Espero que você faça esse bolo com chuchu, o qual fica fofo e úmido. Vale a pena! Assim como as outras sugestões, arrisque e depois comente sua experiência!  

Chuchu, coringa para toda hora

Vamos falar do chuchu! Um alimento muito versátil para transformá-lo em receitas especiais, além dele estar disponível o ano inteiro e com preço acessível. O chuchu é composto por carboidratos, fibras, zinco, magnésio, cálcio, fósforo, potássio, ferro, vitamina A, Vitamina B9 (ácido fólico) e vitamina C.

Vamos falar do chuchu! Um alimento muito versátil para transformá-lo em receitas especiais, além dele estar disponível o ano inteiro e com preço acessível. O chuchu é composto por carboidratos, fibras, zinco, magnésio, cálcio, fósforo, potássio, ferro, vitamina A, Vitamina B9 (ácido fólico) e vitamina C.

Tem efeitos antioxidantes: Pode contribuir para combater os radicais livres que prejudicam o corpo e estão associados a problemas como efeitos de um envelhecimento precoce, câncer e problemas no coração.

O chuchu na cozinha é um coringa para toda hora, para pratos simples e sofisticados, a exemplo de grandes chefes, que preparam o chuchu com camarão ou frutos do mar.

No suco com a fruta natural da época ou disponível

1ª. Opção:  1 litro de Caldo drenado do chuchu cozido + 2 kiwis, 1 maçã pequena, em pedaços, açúcar ou adoçante e gelo a gosto.

2ª. Opção: Caldo drenado do chuchu – (completando 1 litro) + 1 manga + Suco de 1 limão. Açúcar ou adoçante a gosto e gelo.

3ª. Opção: 1 litro de água ou caldo drenado e coado do chuchu + ½ xícara de folhas de hortelã + ½ xícara de abacate, 1 maçã ou pera pequena e gelo.

Em um escondidinho gostoso

Ingredientes do purê:
4 chuchus cozidos
1 colher de manteiga
2 colheres de sopa de farinha de trigo ou farinha de arroz
1 xícara (chá) de leite
Sal e noz moscada a gosto

Ingredientes para montagem:
– Purê de chuchu
Carne moída
– pote de requeijão
– 50 g de queijo ralado

Modo de Preparo:
1-Cozinhe o chuchu em bastante água e sal até ficar bem macio.
2-Amasse ainda quente e coloque em peneira.
3-Em uma panela coloque manteiga, farinha e misture bem, vá colocando o leite até formar um creme. Neste creme coloque o chuchu drenado (escorrido).
4-Tempere com noz moscada e acerte o sal
5-Opcional bata no mixer ou liquidificador.
6-Monte em um refratário:
– Uma camada do purê creme
– Depois o recheio
– Outra camada do purê creme
– Cubra com 1 colher pequena de requeijão e queijo ralado.
7-Leve ao forno para gratinar.

chuchu

Na carne moída

Ingredientes:
300 g de carne moída
1/2 cebola picada
3 dentes de alho picado
1 tomate picado
1 colher de sopa de óleo
Sal e pimenta do reino a gosto
4 colheres (sopa) salsa picada
Se gostar azeitonas picadas

Modo de Preparo:
Em uma frigideira coloque o óleo e refogue o alho e a cebola.
Acrescente a carne e os temperos e frite bem.
Finalize com a salsa
Obs. Se gostar coloque azeitonas.

No bolo especial de chocolate

chuchu

Ingredientes:
½ xícara de leite
1/2 xícara de óleo
3 ovos
1 chuchu (cru) grande ralado
2 xícaras de chá de farinha de trigo
1 xícara de chá de chocolate em pó (Padre) ou ½ de cacau em pó
1 xícara de chá de açúcar
1 colher de sobremesa de essência de baunilha
1 colher de sopa de fermento em pó
Obs.: Se tiver, coloque 1 colher de café de bicarbonato em pó

Ingrediente para calda:
3 colheres de chocolate em pó
3 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de sopa de manteiga
5 colheres de sopa de leite

chuchu

Modo de Preparo: Bolo
Bata no liquidificador o leite, o óleo, a baunilha e os ovos.
Peneire todos os ingredientes secos:  chocolate em pó, fermento, açúcar e farinha de trigo.
Misture o que bateu no liquidificador, o chuchu ralado e os ingredientes secos.
Coloque em forma untada com manteiga e chocolate ou açúcar.
Forno 180°C por aproximadamente 40 minutos.

Modo de Preparo:  Calda
Misture todos os ingredientes e leve ao fogo até engrossar
Coloque no bolo quente.


linguagem

Ana Maria Ruiz Tomazoni

Ana Maria Ruiz Tomazoni

Ana Maria Ruiz Tomazoni - Doutora em Educação (PUC-SP), Mestre em Gerontologia Social (PUC-SP) e Pós-Graduada em Hotelaria e Eventos pelo Senac SP. É fundadora e Diretora Pedagógica da Escola de Gastronomia Sabor & Saber. Atua como docente, educadora alimentar, pesquisadora, escritora e palestrante. É avó de 7 netos e uma eterna aprendiz. E-mail: amrtomazoni@gmail.com. Site: www.saboresabergastronomia.com.br. Facebook Sabor & Saber Gastronomia. Instagram: saboresabergastronomia

anatomazoni escreveu 6 postsVeja todos os posts de anatomazoni