Universidade Aberta da USP ocupa a Maria Antonia

Centro Universitário Maria Antonia (CEUMA) abre as portas para Cremilda Medina e sua Reproposta para uma turma 60+, candidatos ao protagonismo da escrita solidária.


Quarta-feira, 14/08, primeiro encontro de 2019 do curso Narrativas da contemporaneidade, cultura e escrita solidária para uma turma 60+ dentro do programa Universidade Aberta à Terceira Idade (UATI). O projeto Reproposta é de 1997. Criado pelo professor Manoel Carlos Chaparro (ECA/USP), tinha como objetivo produzir um tabloide escrito por um grupo da terceira idade mas voltado para todas as idades. Circulou até 2004 quando acabou o papel e o fôlego da turma. Houve uma transição para o formato online sob a batuta da professora Cremilda Medina (ECA/USP) que se estendeu até 2006. Quem apostou no fim do projeto Reproposta não conhecia a resiliência de uma mulher que cruzou terras e mares em busca de liberdade sem nunca abrir mão dos seus sonhos. Etty Veríssimo levou anos alimentando a ideia de ressuscitar o Reproposta. 

2018. Etty, militante da paixão, convenceu o coordenador da UATI, o baiano Egídio Lima Dórea, a apostar suas fichas no seu sonho. Como disse outro baiano, sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só, mas sonho que se sonha junto é realidade. A dupla bateu na porta da professora sênior Cremilda Medina que prontamente abraçou a ideia. O projeto Reproposta renasceu serelepe. Logo no seu primeiro ano pariu um ebook que foi parar nas bibliotecas das principais universidades do mundo. Ufa.

2019. O Reproposta chega ao seu segundo ano com uma robustez de causar inveja, além da parceria da USP Aberta à Terceira Idade, conta também com a parceria do Portal do Envelhecimento/Espaço Longeviver. Os 60+, candidatos ao protagonismo da escrita solidária, contam-se às dezenas. São 30 inscritos. Uma sala cheia que enche o Centro Universitário Maria Antonia (CEUMA) de vida. Vida que se traduz em afeto. 

O CEUMA é um órgão da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da Universidade de São Paulo, que promove exposições de arte moderna e contemporânea, cursos na área de humanidades, seminários, debates e outros eventos, com destaque para o diálogo entre as diversas linguagens artísticas. O Maria Antonia, como é conhecido, ocupa a antiga sede da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, juntamente com o Teatro da USP, em um conjunto de edifícios considerado patrimônio histórico da cidade.

O Maria Antonia é considerado um ponto relevante de divulgação da produção da Universidade de São Paulo em suas várias esferas e um espaço voltado para o intercâmbio do conhecimento gerado dentro e fora da Universidade. O complexo oferece diversas atividades didáticas, dentre elas: cursos, seminários, oficinas de gravura, fotografia, desenho e pintura.

Além do curso curso Narrativas da contemporaneidade, cultura e escrita solidária, coordenado pela professora Cremilda Medina, o Maria Antonia apresenta, em parceria também com o programa USP Aberta à Terceira Idade, a série de encontros gratuitos Conversas sobre o envelhecer, que ocorrem mensalmente às terças-feiras, das 17 às 18h30.

Com essa vocação, o CEUMA acolhe um bando de maduros festivo e dedicado, empenhado a fazer do ato presencial seu presente. Agradecemos a acolhida e esperamos retribuir com afeto e alegria. 


O Espaço Longeviver está com inscrições abertas para o curso Direito Médico, a ser realizado nos dias 20/08, 27,08 e 10/09, das 19h às 21h30: https://edicoes.portaldoenvelhecimento.com.br/produto/curso-direito-medico/

Mário Lucena

Mário Lucena

Jornalista, bacharel em Psicologia e editor da Portal Edições, editora do Portal do Envelhecimento. Conheça os livros editados por Mário Lucena.

mariolucena escreveu 48 postsVeja todos os posts de mariolucena