Prêmio Garantia dos Direitos da Pessoa idosa vai para Maria Leitão Bessa

Tempo de Leitura: 3 minutos

A vencedora da categoria Garantia dos Direitos da Pessoa idosa foi Maria Leitão Bessa, presidente da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz), do Acre. O Prêmio é a mais alta condecoração do Governo Brasileiro a pessoas e entidades que se destacaram na defesa, promoção, enfrentamento e combate às violações dos Direitos Humanos em nosso país. A divulgação de ações relevantes praticadas em prol dos direitos fundamentais inerentes a todos os seres humanos por meio de um prêmio com envergadura nacional é de suma importância.

 

 

premio-garantia-dos-direitos-da-pessoa-idosa-vai-para-maria-leitao-bessaA comissão julgadora do “Prêmio Direitos Humanos 2016”, presidida pela Secretária Especial de Direitos Humanos, Flávia Piovesan, definiu os ganhadores desta edição do concurso. Foram recebidas 224 inscrições de iniciativas em direitos humanos de todo o país. A mais procurada das 19 categorias foi a de “Educação em Direitos Humanos”, com 41 propostas recebidas. A entrega dos prêmios será realizada em cerimônia em Brasília, na primeira quinzena de dezembro.

A vencedora da categoria Garantia dos Direitos da Pessoa idosa foi Maria Leitão Bessa, presidente da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz), do Acre.

Além da secretária Flávia Piovesan, a comissão julgadora foi composta também por Júlio Cesar Pompeu, Secretário Estadual de Direitos Humanos do Espírito Santo; Melina Girardi Fachin, Advogada e Professora da Universidade Federal do Paraná; Ricardo Shimosakai, Diretor da empresa Turismo Adaptado; e Fábio Eon, Oficial de Programa Sênior do Setor de Ciências Humanas e Sociais da Unesco.

O Prêmio é a mais alta condecoração do Governo Brasileiro a pessoas e entidades que se destacaram na defesa, promoção, enfrentamento e combate às violações dos Direitos Humanos em nosso país.

A divulgação de ações relevantes praticadas em prol dos direitos fundamentais inerentes a todos os seres humanos por meio de um prêmio com envergadura nacional é de suma importância, tanto para o reconhecimento daqueles que atuam com consciência humanitária, como para a ampliação da sensibilidade da sociedade brasileira sobre a necessidade do respeito aos Direitos Humanos.

premio-garantia-dos-direitos-da-pessoa-idosa-vai-para-maria-leitao-bessaQuem é Maria Leitão Bessa
Maria Leitão Bessa é presidente da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz). Ela é pedagoga, especialista em Orientação Educacional, pela UFAC, Gerontóloga pela SBGG. Ela fundou no Acre a Associação Brasileira de Alzheimer na qual dedica seus trabalhos voluntários há 11 anos. É a atual Presidente da ABRAz Nacional (período 2014 a 2017), entidade que tem como missão promover o apoio social e emocional, além de levar informação aos familiares de pacientes com Alzheimer e outras demências.

Quase todas as pessoas diagnosticadas são idosas, mas podem ocorrer casos precoces, com pessoas com menos de 50 anos. A doença de Alzheimer ainda não tem cura e se agrava ao longo do tempo, mas pode e deve ser tratada. A doença se apresenta como demência, ou perda de funções cognitivas causada pela morte de células cerebrais. Quando diagnosticada no início, é possível retardar o seu avanço e ter mais controle sobre os sintomas, garantindo melhor qualidade de vida ao paciente e à família.

Fonte: Acesse Aqui

Portal do Envelhecimento

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 2694 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento