Onda de suicídios comove Coreia do Sul

Tempo de Leitura: 2 minutos

A Coreia do Sul é o país asiático que tem maior índice de suicídio entre os 32 países mais ricos do mundo, número que sofreu aumento de 18% ano passado. Na Coreia do sul, ocorrem 40 suicídios diários, de pessoas comuns, do meio artístico, políticos, membros das mais variadas classes sociais. As estatísticas para pessoas com mais de 80 anos é de 100 por 100 mil habitantes. Os idosos são o grupo mais afetado, de acordo com o psiquiatra Ha Giu-sup, da Universidade Nacional de Seul e presidente da Associação Sul-Coreana para a Prevenção do Suicídio.

 

 

“A Coreia do Sul é uma sociedade em rápido processo de envelhecimento. Esses idosos não se prepararam para viver tanto tempo porque, quando eram jovens, poucas pessoas viviam mais de 60 anos”, relata Ha. A solidão da vida na área rural, a pobreza e a doença acaba por vezes levando os idosos a cometer suicídio. Outro motivo para essa situação foi a crise asiática financeira de 1997, gerando crescente instabilidade empregatícia na Coreia do Sul. O suicídio é a quarta causa de morte atualmente na Coreia do sul.

A sociedade coreana toma o suicídio como forma de solução dos problemas. A taxa de suicídio, de 30 por 100 mil habitantes, apresenta número maior que o índice de homicídio do Brasil (25,2). Dentre os países membros da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), a Coreia do Sul é o que tem mais mortes desse tipo. O Japão, com sua tradição de suicídios, também está incluído no índice.

As celebridades também estão sofrendo com isso. O ex-presidente Roh Moo-hyun (2003-2008) se jogou de uma colina, e antes disse que fez muita gente sofrer. Casos envolvendo artistas totalizaram seis ocorrências nos últimos dois anos. Ao que parece, os padrões morais altos levam mesmo os mais abastados a cometerem suicídio.

Fonte: Reportagem de Fabiano Maisonnave.

Portal do Envelhecimento

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 3729 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento