Irmãs nonagenárias se comunicam mediadas pela tecnologia

À medida que os anos passaram para duas irmãs (Ginny e Margery) a comunicação ficou cada vez mais virtual, apesar de viverem há apenas três horas de distância uma da outra. Nos últimos anos elas só se comunicavam por telefone.

 

 

irmas-nonagenarias-se-comunicam-mediadas-pela-tecnologiaMas as circunstâncias da vida finalmente as reconectou visualmente, graças às tecnologias. Agora uma pode “ver” a outra e conversar por um longo período, via sessões de Skype.

Ginny vive em uma Instituição de Longa Permanência da rede Benchmark Senior Living, localizada em Putnam Farm, em Danvers, Massachusetts, e sua irmã Margery, em uma outra, da mesma rede, em Ridgefield Crissings, Connecticut.

Ginny conseguiu realizar seu desejo de aniversário, 92 anos, e “ver” sua irmã mais nova “ao vivo” depois de muitos anos. Ambas estavam ansiosas para as visitas regulares que a instituição implantou, para as tardes de quarta-feira. Desta conversa outras foram agendadas, em que Ginny sugeriu que “compartilhassem” uma xícara de chá durante a visita, como antigamente.

Esta experiência inovadora foi muito boa para Ginny, que recomendou a todos os seus amigos residentes a fazerem o mesmo, encorajando-os a entrar em contato com seus entes queridos via o computador.

Ter numa sala um computador em rede e permitir que os residentes conversem com seus familiares via Skype é uma alternativa eficaz para manter os vínculos familiares e comunitários e muito em conta, tanto daqueles que vivem na instituição como daqueles que vivem fora. Afinal, essa já é uma prática corrente na nossa sociedade.

Fonte: Acesse Aqui

Portal do Envelhecimento

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 2314 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento