Guia 2022 Edital Itaú já está disponível!

Tempo de Leitura: 3 minutos

Guia de seleção de projetos via Fundo do Idoso do Itaú Viver Mais traz orientações quanto aos eixos, temas transversais, documentação e cronograma.


Já está no ar o Guia 2022 Edital Itaú,  “uma ferramenta de seleção de projetos sociais aprovados em Fundos Municipais, Estaduais ou Nacional do Idoso que serão apoiados pelo Itaú com recursos de seu Imposto de Renda, de acordo com a Lei Federal nº 22.213 de 20 de janeiro de 2010, a qual instituiu o Fundo Nacional do Idoso”. Ou seja, este Guia é dirigido às Organizações da Sociedade Civil (OSCs) com projetos aprovados pelos Fundos (municipais ou estaduais) a fim de se prepararem para participar do Edital. Esse esclarecimento é fundamental pois o Edital Idoso 2022 não fará nenhuma aprovação de projeto, já que poderão participar apenas aqueles projetos já aprovados pelos respectivos Fundos. O Edital selecionará entre os projetos aprovados aqueles que melhor atenderem aos seus requisitos. O lançamento do Edital Idoso 2022 ocorrerá no dia 20 de julho, quando as organizações poderão inscrever seus projetos.

O Guia 2022 Edital Itaú traz algumas respostas a perguntas que certamente responderão à maioria das dúvidas de quem tem interesse em participar, entre as questões destacamos:

– O projeto precisa ter sido previamente aprovado no Fundo Municipal/Estadual ou Nacional do Idoso no momento da inscrição?

– Quem pode participar?

– Que tipo de proponente não pode participar do edital?

Eixos Prioritários

Os eixos priorizados no processo de seleção dos projetos serão:

Temas Transversais

Outro dado importante é que serão priorizadas as propostas que articulem transversalmente aos eixos prioritários citados acima os seguintes temas em suas atividades:

Diversidade: Promoção e valorização da diversidade, prioritariamente em relação a mulheres, população negra, povos indígenas, pessoas com deficiência e comunidade LGBT+

Meio ambiente: Promoção de ações que envolvam o ambiente doméstico e privado

e os arranjos de moradia institucionais, em contextos urbanos/rurais.

Intergeracionalidades: Promoção de interações sociais entre indivíduos de idades

distintas e troca de experiências de vida, valores e princípios, e fortalecimento de laços familiares e comunitários.

Cidadania: Promoção, valorização e implementação de práticas que oportunizem o desenvolvimento pessoal, as potencialidades do envelhecimento, e a participação dos idosos na vida econômica, política e social do país.

Documentação

Além dos eixos e dos temas transversais, o Guia aponta toda a documentação necessária que é exigida, com exemplos dos tipos de documentos, tanto da organização participante, quanto do Conselho e/ou Fundo. Essa informação é essencial, pois organizar toda essa documentação leva um certo tempo e depende de terceiros. Assim, sabendo de antemão do lançamento do Edital a documentação necessária dá tempo de solicitar às entidades e organizar tudo sem estresse.

O Guia dá 3 dicas fundamentais a respeito da documentação:

– Separe todos os documentos antes de começar a sua inscrição.

– Fique atento para as datas de validade de cada documento.

– As imagens devem ser nítidas com os dados claramente legíveis. Imagens sem nitidez não serão aceitas.

Cronograma

Ficar atento às datas é fundamental. E muita atenção para a publicação da aprovação do projeto no Diário Oficial ou carta de captação válida, única documentação que poderá ser enviada posteriormente, mas impreterivelmente até o dia 09 de setembro.

De posse de todas essas informações as Oscs devem rever os seus projetos aprovados e observar se eles atendem aos requisitos apontados pelo Guia 2022 Edital Itaú. Se sim, o passo seguinte é organizar a documentação exigida e atentar-se para as datas, pois o lançamento é dia 20 de julho. E caso a OSC tenha um bom projeto ou esteja elaborando e seu município ainda não tenha aberto edital (caso não seja de fluxo contínuo), eis uma oportunidade para bater à porta do Conselho do Idoso, incentivando-o a abrir editais, afinal, estes contribuem bastante para melhorar o ambiente da velhice pelo país afora. O que não pode acontecer é o dinheiro, que é público, ficar parado nos Fundos dos Municípios e Estados.

Acesse o Guia 2022 Edital Itaú na sua íntegra:


https://edicoes.portaldoenvelhecimento.com.br/produto/curso-online-fragilidades-na-velhice-na-perspectiva-da-gerontologia-social/

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 3962 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento

WhatsApp
LinkedIn
Share
Instagram