Estudo mostra que perda auditiva por efeito do envelhecimento gera custos à saúde

Tempo de Leitura: 2 minutos

A perda auditiva em adultos com idade mais avançada aumenta o risco de hospitalização e de problemas de saúde, descobriu um novo estudo, mesmo levando em conta outros fatores de risco.

The New York Times *


Os pesquisadores analisaram dados de 529 homens e mulheres com mais de 70 anos de idade cuja audição era normal, e os comparou com outros 1.140 cuja audição estava prejudicada – a maioria com perda auditiva leve ou moderada.

Os dados foram coletados em uma grande pesquisa nacional de saúde dos Estados Unidos em 2005 e 2006 e novamente em 2009 e 2010. Os resultados apareceram no periódico The Journal of the American Medical Association.

Após o ajuste para variáveis como raça, sexo, escolaridade, hipertensão, diabetes, acidente vascular cerebral, doenças cardiovasculares e outros riscos, os pesquisadores descobriram que as pessoas com problemas de audição foram 32% mais propensas a ser hospitalizadas, 36% mais propensas a relatarem problemas de saúde física e 57% mais propensas a apresentarem problemas de saúde mental ou emocional.

Os autores reconhecem que esta é apenas uma associação, e que pode haver fatores desconhecidos que podem ter afetado o resultado.

“Tem havido uma crença de que a perda auditiva é uma parte insignificante do envelhecimento”, disse o autor principal, Dr. Frank R. Lin, professor de otorrinolaringologia na Universidade Johns Hopkins. “Mas provavelmente não é. Todo mundo conhece alguém com perda auditiva, e como nós pensamos nos custos da saúde, temos que levar em conta seus efeitos.”

Fonte: Por The New York Times. Disponível Aqui

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 3746 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento