Aplicativos ajudam pessoas com deficiência visual

Tempo de Leitura: 3 minutos

As funções dos aplicativos atualmente existentes no mercado vão desde ferramentas que auxiliam no dia a dia das pessoas com deficiência visual, até um simulador da visão de pessoas que possuem doenças da retina. Tais aplicativos permitem aos usuários mais independência e confiança para a realização das tarefas cotidianas.

Ricardo Shimosakai(*)


De acordo com dados do IBGE, mais de 35 milhões de pessoas vivem com deficiência visual no Brasil, e esse número tende a crescer com o envelhecimento populacional no país. Para melhorar a qualidade de vida dessas pessoas, o mercado vem desenvolvendo aplicativos com diferentes funções que auxiliam o dia a dia de quem enfrenta dificuldades para enxergar. Vejam alguns deles.

ViaOptaNav e ViaOpta Daily

Os apps acabam de ganhar versões em português e estão habilitados com tutoriais de áudio. Isso permite ao usuário mais independência e confiança para a realização das tarefas diárias como leitura, identificação de objetos e instalações de acessibilidade.

ViaOptaSim

Simula oito doenças oculares, entre elas Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI), principal causa de perda de visão em idosos, e Edema Macular Diabético (EMD), doença que mais causa cegueira em idade produtiva, ambas condições tratáveis e potencialmente reversíveis. O app auxilia os profissionais de saúde a educar os pacientes sobre deficiência visual.

Outra novidade é que os apps foram adaptados para a utilização em relógios inteligentes, como o AppleWatch, permitindo ao usuário navegar com orientação de voz e vibração de seu relógio.

ViaOpta Daily

Reúne seis diferentes funções para ajudar no dia a dia, incluindo recursos de previsão do tempo, lupa, detector de cores e o reconhecimento de pessoas e itens de uso diário, tais como dinheiro e objetos. Com ajuda do dispositivo, o usuário ainda é capaz de apontar a câmera para uma direção e, após alguns segundos, a narração irá informar o que está em sua frente, auxiliando-o a se localizar em ambientes desconhecidos.

ViaOpta Nav

O ViaOptaNav é capaz de identificar informações sobre instalações específicas de acessibilidade em torno dos usuários com deficiência visual, como pavimentação tátil, cruzamentos e semáforos com som. Ele ainda determina a sua posição exata e encontra destinos ou pontos de referência próximos, localizando, por exemplo, farmácias, hospitais, restaurantes e bancos.

Além disso, o app é o primeiro aplicativo de navegação ponto a ponto disponível para smartwatches, como Apple Watches ou dispositivos Android Wear. Ao utilizá-lo, os usuários podem determinar sua posição exata e encontrar destinos ou pontos de referência próximos. Baseado nesses pontos de referência, o ViaOpta Nav passa a guiar os usuários a seus destinos com segurança.

ViaOpta Sim

Simula a visão de oito doenças oculares como glaucoma, retinopatia diabética, edema macular diabético, tração vítreo macular e oclusão da veia central da retina. O simulador auxilia os profissionais de saúde a educar os pacientes sobre a deficiência visual e a importância de procurar um especialista aos primeiros sinais da doença.

Os apps estão disponíveis para Android Aqui e IOS Aqui

Doenças de retina

Retinopatia diabética: a retinopatia diabética é causada pelo excesso de açúcar nos pequenos vasos sanguíneos que irrigam a retina e acaba desgastando-os, fazendo com que surjam edemas ou obstruções na retina.

Edema macular diabético: o edema macular diabético tem como principal causa a diabetes mal controlada, além da hipertensão arterial (pressão alta), idade avançada e outros problemas de visão como miopia, astigmatismo etc.

DMRI: o surgimento da Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI) está ligado a fatores genéticos e hereditários, além do próprio processo de envelhecimento.

Oclusão Venosa da Retina (OVR): a oclusão venosa da retina (OVR) não possui uma circunstância específica para se desenvolver. Ainda assim, existem aspectos determinantes para o seu desencadeamento, como a idade avançada, pressão arterial elevada, alta taxa de gordura no sangue, diabetes, glaucoma e problemas com a coagulação sanguínea.

(*)Ricardo Shimosakai é coordenador do blog Turismo Adaptado: Acesse Aqui

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 3958 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento

WhatsApp
LinkedIn
Share
Instagram