Tribunal do tempo foca o envelhecimento do país

Ainda sem previsão de estreia, nova série ficcional para TV irá tratar da atual situação de vida das pessoas idosas, do aumento da população acima de 60 anos no País, abordando também o dia a dia de gerações mais jovens que convivem com eles. Para a elaboração da proposta de ‘Tribunal do Tempo, Paulo Markun partiu de casos ficcionais elaborados com a consultoria técnica de Andrea Pachá, uma das idealizadoras do projeto.

 

Uma série de ficção intitulada Tribunal do Tempo está em elaboração. Em parceria com a juíza e escritora Andrea Pachá, titular da Vara de Órfãos e Sucessões no Rio de Janeiro, e o jornalista Paulo Markun irá abordar em 13 episódios o envelhecimento da população brasileira, com aval do Programa de Desenvolvimento de Projetos da Ancine.

Além da situação de idosos, o programa vai abordar o dia a dia de gerações mais jovens que convivem com eles. Para a elaboração da proposta de ‘Tribunal do Tempo, Markun partiu de casos ficcionais elaborados com a consultoria técnica de Andrea Pachá, uma das idealizadoras do projeto. Além de juíza, Pachá tem sólida carreira na área da ficção literária. Seu primeiro livro “A Vida não é Justa” vendeu mais de 30.000 exemplares e teve os direitos adquiridos pela Rede Globo de Televisão para adaptação na Tv. Sua obra seguinte “Segredo de Justiça” teve a primeira edição rapidamente esgotada.

Em Tribunal do Tempo, os episódios têm como protagonista uma juíza negra, de meia idade, encarregada de julgar os casos numa cidade média do interior de Santa Catarina. O projeto está em sua fase inicial, ainda sem data para início das filmagens.

A produção será da Revanche Produções, produtora dirigida pelo jornalista Paulo Markun, que foi contemplada pelo Programa de Desenvolvimento de Projetos da Ancine – Agência Nacional do Cinema, para desenvolver a série de ficção intitulada Tribunal do Tempo.  A proposta da Revanche foi selecionada dentro do programa Prodav 5 da Ancine.  O programa da Ancine ainda selecionou séries de documentais e de animação, além de longas-metragens de ficção e animação.

Sobre a Revanche Produções

Dirigida pelo jornalista Paulo Markun, a Revanche é uma produtora independente e, no momento, em parceria com MediaArts e em coprodução com o Canal Brasil, desenvolve a segunda temporada do programa Retrovisor, uma apresentação do Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com o patrocínio de Bradesco, BNDES e Tractebel Energia. Em coprodução com a Miração Filmes, a Revanche ainda produz Arquiteturas, série que também está em sua segunda temporada, no SescTV, com estreia programada para outubro.

Paulo Markun nasceu em São Paulo, em 1952. Jornalista profissional desde 1971, já foi repórter, editor, comentarista, chefe de reportagem e até mesmo diretor de redação em emissoras de televisão, jornais e revistas. Por dez anos, apresentou o programa Roda Viva da TV Cultura, entrevistando mais de 500 personalidades. Markun criou veículos de comunicação como o Pasquim São Paulo, Imprensa, Radar, Deadline, Jornal do Norte; escreveu treze livros, como “Anita Garibaldi, uma heroína brasileira”, “O Sapo e o Príncipe “e “Cabeza de Vaca”, que foram finalistas do Prêmio Jabuti. É idealizador e diretor das séries de televisão “Habitar Habitat “(melhor série latino-americana em 2014, “Arquiteturas” e “Retrovisor”, pelo SescTV e TV Brasil.

Andréa Maciel Pachá nasceu em Petrópolis, em 1964, é uma juíza brasileira[. Formou-se em Direito pela Uerj. Como membro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), criou o Cadastro Nacional de Adoção e a Comissão de Conciliação e Acesso à Justiça, além de atuar na implantação das Varas de Violência contra a Mulher em todo o Brasil. Juíza da Quarta Vara de Órfãos e Sucessões do Rio de Janeiro foi responsável pela criação do Cadastro Nacional de adoção e pela implantação das varas de Violência Doméstica no Brasil. Andrea também é escritora.

Resta saber como esta série abordará o envelhecimento, a longevidade e as relações intergeracionais. Esperamos que os idealizadores tenham uma boa assessoria, qualificada, a fim de não se reproduzir preconceitos em relação à velhice.

Portal do Envelhecimento

Portal do Envelhecimento

Redação Portal do Envelhecimento

portal-do-envelhecimento escreveu 335 postsVeja todos os posts de portal-do-envelhecimento