Diana Moran e a pedra filosofal

A Fonte da Juventude descoberta por Diana promete rejuvenescimento, sim, mas não tem nada de mágica. Digamos que com ela você possa ganhar de dez 20 anos na aparência e uma velhice com saúde e disposição, topa?

 

Diana nasceu em 1939. Dona de uma beleza extraordinária e um corpo privilegiado, tornou-se uma modelo de sucesso. Quando deixou as passarelas, já nos anos 80, recebeu um convite da BBC para apresentar uma série de exercícios físicos durante um programa matinal.

Diana se apresentou com uma malha verde e o mundo veio abaixo. Ganhou o apelido de Deusa Verde e milhões de seguidores. O que ela mostrava no programa era o que fazia no dia a dia. Alongamentos, exercícios físicos, tudo de baixo impacto, mas constante.

Hoje, quem a vê, duvida que tenha 77 anos. Sua condição física é de uma pessoa na faixa dos 40/50 anos. Sua aparência é de quem tem no máximo 60. Mas isso não significa que rejuvenesceu. O que Diana fez foi retardar os efeitos que costumam se manifestar na velhice.

Ganhou, na sua trajetória, mais de dez anos com certeza. E é isso que ela diz para seus seguidores, façam exercícios e ganhem no mínimo dez anos de vida saudável e com bastante energia.

Madona. Alguém acredita que ela tem 58 anos?

Você não é Madona, logo, não precisa passar horas e horas na academia, pois está se preparando para a vida, não para um show desgastante, uma performance de alto nível. O que não pode é ficar parado. Não existe desculpa para isso. Mexa-se, é a palavra de ordem da Deusa Verde para quem deseja um futuro melhor.

Diana, em 1987, estava no auge, feliz e satisfeita com a vida quando descobriu que era portadora de um câncer de mama. Um choque. Simplesmente não acreditava. Como uma pessoa que se exercita diariamente e leva uma vida saudável pode apresentar um problema desse porte?

Algumas coisas não tem como evitar ou retardar com exercícios físicos e boa hidratação e alimentação. Elas vão se manifestar porque nasceram com você, inscritas no seu DNA. Mas com certeza seu corpo reagirá melhor e seu restabelecimento será mais rápido se você estiver preparado, em dia com seu físico, sua saúde.

O câncer de mama (Diana fez mastectomia bilateral) a tornou mais forte e a presenteou com uma boa causa para lutar com mais força e energia. A experiência conquistada com a luta contra o câncer mostrou que estava no caminho certo. Passou a ensinar com mais garra homens e mulheres de todas as idades a praticar exercícios e manter a saúde em dia para “rejuvenescer” e ter uma reserva de energia para enfrentar casos inesperados que o exercício não pode prevenir.

Diana passou por dois casamentos e tem dois filhos e quatro netos. Costuma dizer que está sempre em boa companhia. Vive a maior parte do tempo viajando. Une lazer e trabalho. Apresenta-se em navios de cruzeiro para uma plateia sempre animada e disposta a mexer o esqueleto. Roda a América do Sul, a Costa do Pacífico e a Austrália apresentando sua receita de saúde natural. Portanto, há uma grande chance de você encontrá-la pessoalmente.

Diana sempre atuou de forma independente. Significa que desenvolve exercícios que não necessitam de aparelhos, de academia. Sua luta atual é para incorporar os idosos na balada. O idoso ganha a partir do momento que para de perder, esta é a ideia. Primeiro manter, depois melhorar, daí para a frente ganhar. Dias, meses, anos. Tudo é possível quando a pessoa acredita e se dedica a um programa de exercícios de acordo com a idade.

Em seu DVD, Diana divulga um programa de exercícios de baixa intensidade, ideal para idosos, que pode ser feito em qualquer lugar e a qualquer hora. Exercícios para prevenir os efeitos do envelhecimento.

Muita gente poderia trocar a dieta por um programa de exercício, por exemplo. Seria mais eficaz, acredita Diana. A dieta promove o sedentarismo. O que as pessoas precisam é deixar sua zona de conforto e exigir mais do corpo.

Para o corpo funcionar corretamente precisa de uma carga de movimentos adequada. Um atleta faz exercícios o dia todo. Um profissional, como Madona, que trabalha com o corpo, precisa de uma carga parecida, por isso dedica cinco horas do seu dia para musculação e alongamento.

Você não pode se contentar com uma caminhada, simplesmente. Se busca qualidade de vida na velhice, precisa de um programa de exercícios físicos sério. Esta é a Pedra Filosofal descoberta por Diana Moran.

Mário Lucena

Mário Lucena

Psicólogo e jornalista, faz parte da Equipe do Portal do Envelhecimento.

mariolucena escreveu 25 postsVeja todos os posts de mariolucena